preços dos hotéis
Portugal foi o país da zona euro onde os preços dos hotéis mais subiram nos últimos dois anos
PRR
Governo não pede mais empréstimos e fecha PRR nos 22,2 mil milhões de euros
preços dos hotéis
Portugal foi o país da zona euro onde os preços dos hotéis mais subiram nos últimos dois anos
PRR
Governo não pede mais empréstimos e fecha PRR nos 22,2 mil milhões de euros

31 de agosto de 2023

Resultados da Reunião Comissão Permanente da Seca

No dia 25 de agosto, a Comissão Permanente reuniu pela 4ª vez no ano, a fim de avaliar a situação do país.

Portugal encontra-se com mais de 46% da sua área em seca severa ou extrema. Neste sentido, o Gabinete de Planeamento, Políticas e Administração Geral (GPP) publicou os resultados da última reunião da Comissão Permanente da Seca, ocorrida a 25 de agosto, onde o ponto de situação meteorológico, hidrológico, de abastecimento público e agrícola foi avaliado.

Por outro lado, na reunião foi avaliada a implementação das medidas em vigor e a necessidade de definição de medidas complementares para fazer face à situação de seca presente no atual ano hidrológico.

O IPMA apresentou os seus dados, concluindo que, presentemente, 19,3% do território continental está em seca severa e 27,1% em seca extrema, com um aumento da área em seca extrema no sul do país. Os distritos a salientar são os de Setúbal, Évora, Beja e Faro.

Apesar destes valores, no ano passado, os números eram maiores com 61% do país em seca severa e 39% em seca extrema. Porém, mesmo com a diminuição registada, Portugal continental encara mais um ano de seca meteorológica que chega a todo o país, com 12% da área em seca fraca e 39% em seca moderada, com um total de 97% do território em situação de seca.

Por sua vez, foi também concluído na reunião da Comissão Permanente que 8 das 65 albufeiras estão com armazenamento limitante à campanha de rega e 5 das mesmas apresentam planos de contingência para situações de seca ativos. No Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, a totalidade da campanha de rega encontra-se assegurada.

Outro ponto em destaque do encontro da Comissão Permanente trata-se da confirmação das previsões como a pior campanha de sempre para todas as espécies cerealíferas, devido aos decréscimos de área e produtividade.

 

Fonte: Notícias CAP