solo
Dia mundial do Solo – Governo falha promessa de publicar legislação para proteção de solos
VI Encontro do Medronho
VI Encontro do Medronho e do Medronheiro afirmou o medronho como produto da Região Centro
solo
Dia mundial do Solo – Governo falha promessa de publicar legislação para proteção de solos
VI Encontro do Medronho
VI Encontro do Medronho e do Medronheiro afirmou o medronho como produto da Região Centro

06 de dezembro de 2023

Olivum: Portugal pode produzir 150 a 160 toneladas de azeite nesta campanha

Foto de Unsplash 

A Olivum estima que Portugal atinja as 150 ou 160 mil toneladas de azeite na campanha atual, sendo este o sexto maior produtor mundial.

A maior associação nacional do setor do azeite (Olivum) tem como previsão para o país uma produção de 150 a 160 toneladas de azeite na campanha ainda decorrente.

De acordo com o presidente da direção da Olivum, Pedro Lopes, “este ano, prevê-se [uma produção] um bocadinho melhor do que a do ano passado”.
Posto isto, a campanha da apanha da azeitona e de produção de azeite ainda se encontra “a meio”, porém, as suas previsões são positivas relativamente à campanha do ano anterior.

A Olivum refere ainda que 80% das 160 mil toneladas de azeite esperadas são provenientes da zona do Alentejo, com esta região a ter “um grande peso na produção este ano”.
Pedro Lopes refere ainda que Portugal é autossuficiente na produção de azeite desde 2014 e é “o sexto” maior produtor deste produto alimentar em todo o mundo e “o quarto da Europa”, mas o país deverá, em poucos anos, ultrapassar esse patamar.

“Provavelmente, com tudo que se prevê, Portugal poderá atingir as 250 a 300 mil toneladas de azeite a nível nacional” estimou, indicando que existem “muitas plantações novas” e que essa meta poderá ser atingida em “quatro a cinco anos ou “Não temos azeite todo o ano. Neste momento, está-se a produzir e, certamente, [a quantidade de azeite no mercado] vai crescer, porque vamos vender tudo o que temos”, afiançou.

 

Fonte: Agroportal